Informação sobre ansiedade, enquanto patologia, causas, sintomas e tratamento da ansiedade, identificando o diagnóstico de fobias, transtorno de pânico, obsessivo, de estresse e  ansiedade generalizada, com dicas para a sua prevenção.


quinta-feira, 11 de outubro de 2012

Como contornar a ansiedade

É necessário não esquecer que a ansiedade é um fenómeno universal, que faz parte da nossa existência. Frequentemente, simples medidas de higiene de vida e a mudança de hábitos quotidianos, podem diminuir ou mesmo eliminar as reacções ansiosas. Reconsidere o seu modo de vida.

Espreguiçar
Em vez de contar com o café para acordar, dedique alguns momentos a uma série de pequenos exercícios, que acabarão com a lassidão matinal, permitindo um relaxamento muscular, o que contribui para um bom início do dia. Espreguice-se lentamente até se aperceber de uma agradável sensação de relaxamento muscular. Pode distender os músculos até sentir um ligeiro incómodo, mas nunca até à dor. Mantenha a distensão 10 a 30 s, pare e recomece de novo, 2 a 3 vezes.

Massagem
A auto-massagem estimula e contribui para dissipar a fadiga do início do dia. Comece por estimular o couro cabeludo, agarrando num punhado de cabelos em cada mão e puxando durante 5 s, até que todo o seu couro cabeludo esteja estimulado. Feche a mão, mas não com força, e bata ligeiramente em todas as partes acessíveis do seu corpo, à excepção da coluna vertebral.

Saia a tempo
Contra o atraso dos transportes públicos ou o congestionamento de trânsito, nada pode fazer. No entanto, pode decidir sair um quarto de hora mais cedo, o que de certo diminuirá consideravelmente a ansiedade matinal no trajecto casa-trabalho.

Organize o seu trabalho
A falta de organização e de planificação são as causas mais frequentes da ansiedade no trabalho. Em cada dia estabeleça um programa de tarefas a cumprir e prioridades. Assim não só evitará os “esquecimentos” mas, sobretudo terá a impressão de controlar melhor as suas tarefas.

Personalize o seu ambiente de trabalho
É no seu local de trabalho que passa a maior parte do seu tempo, por isso é essencial que o torne não só agradável mas confortável e com algo seu. Utilize posters, fotografias, plantas verdes, luz, ou todos os elementos de decoração que lhe agradem de modo a criar o “seu canto”.

Comunique
Muita gente tem tendência a permanecer calado, guardando para si os seus pensamentos e problemas. Fará melhor em conversar. Quer por si, que falando, esclarece e desdramatiza a situação, quer pela sua família e amigos, na medida em que, se ficar calado, pensarão serem culpados dos seus problemas, ou que não deposita confiança neles. Em caso de conflito com alguém não adie o momento de falar à pessoa em questão.

Relaxamento
Consiste numa contracção sistemática dos principais músculos do corpo, seguida de uma distensão. O efeito calmante é muito rápido, 10 a 20 minutos.
  • Instale-se num lugar tranquilo, descalço e vestido confortavelmente.
  • Deite-se de costas, braços ao longo do corpo e com as palmas das mãos viradas para cima.
  • Inspire profundamente, retenha a respiração durante alguns segundos e expire lentamente.
  • Contraia com a maior força possível os músculos da cara durante 5 segundos.
  • Faça o mesmo com os músculos dos ombros, dos braços, das mãos, até aos dedos dos pés.
  • Finalmente permaneça imóvel durante alguns minutos imaginando algo de agradável.
Sono
Alguns pequenos “truques” para melhor adormecer:
  • Evite os excitantes á noite, coma um jantar ligeiro e não muito tarde.
  • A leitura é frequentemente um bom meio para relaxar desde que esteja confortavelmente instalado, sentado, apoiado nas costas, pescoço e cabeça.
  • Se acordar com dores nas costas, durma de costas com uma almofada debaixo dos joelhos e com uma toalha enrolada apoiando o pescoço.
  • Adopte uma posição cómoda para dormir; deite-se de lado coluna vertebral e pescoço direitos, cotovelos joelhos e flectidos.
Por outro lado concentrar o seu interesse sobre algo preciso, pode ajudá-lo a eliminar um episódio ansioso.
ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL